quarta-feira, 22 de junho de 2016

Procriação Medicamente Assistida alargada a todas as mulheres

Atualmente em Portugal os tratamentos de procriação medicamente assistida (PMA) só são permitidos a casais heterossexuais, casados ou que vivam em união de facto há pelo menos dois anos. A nova lei que foi agora publicada permite o alargamento destes tratamentos a todas as mulheres e entra em vigor já a partir de 1 de agosto de 2016.

Para a concretização dos tratamentos ficamos ainda a aguardar a regulamentação da mesma lei que deve ocorrer num prazo máximo de 120 dias.

Fonte: creative commons

#pma; #procriacaomedicamenteassistida; #mulheressolteiras