quinta-feira, 3 de julho de 2014

Menopausa precoce tem solução?

Fonte: creative commons
O diagnóstico de uma menopausa precoce pode ser uma notícia completamente arrasadora para uma mulher especialmente se ela ainda não tem filhos e pensa criar uma família. Muitas vezes o diagnóstico é tardio exatamente por se pensar que a mulher ainda é demasiado jovem.

O que é a menopausa precoce e quais as suas causas?

Em geral é por volta dos 45 – 50 anos que a mulher começa a sentir os primeiros sinais de que está a entrar num período de menopausa (ausência de menstruação). A menopausa é designada precoce quando surge antes dos 40 anos e pode ser consequência de determinados fatores:

- Consumo de tabaco (pode fazer com que a menopausa apareça dois anos antes do esperado);
- Tratamento de doenças oncológicas (quimioterapia e/ou radioterapia que podem provocar lesões irreversíveis nos ovários);
- Remoção dos ovários e/ou do útero;
- Fatores genéticos. Entre os quais alterações no cariótipo, que é o caso das portadoras da síndrome de Turner (cariótipo 45X ) que apresentam uma ausência total ou parcial de um cromossoma X. Por outro lado as mulheres que têm um historial de menopausa precoce nas suas famílias têm maior probabilidade de vir a sofrer do mesmo problema.

Como saber se já chegou a menopausa?

Os primeiros sinais da menopausa são:

- Ausência de menstruação durante 12 meses consecutivos;
- Ondas de calor acompanhadas de transpiração, tonturas e palpitações;
- Perturbação do sono devido a suores noturnos;
- Depressão ou irritabilidade;
- Secura da mucosa vaginal, diminuição da líbido, entre outros.

A mulher pode sentir todos estes efeitos como pode sentir apenas alguns. O importante é consultar o seu médico para ele poder confirmar o diagnóstico.

Uma mulher que está em menopausa pode ser mãe?

Felizmente hoje em dia é possível uma mulher que entrou em menopausa ser mãe graças à utilização da fertilização in vitro e a ovócitos de uma dadora. Nestas situações, mediante uma tratamento hormonal e um controlo médico para otimizar as condições uterinas é possível a obtenção de gravidez.
Nestas situações em que há doação de ovócitos as probabilidades de gravidez são geralmente elevadas!

A menopausa precoce não tem solução, mas existem soluções para uma mulher ser mãe após a menopausa! Informem-se!

#menopausa, #menopausaprecoce, #infertilidade